O Uso do Isolamento Absoluto como Fator de Qualidade às Terapias Odontológicas

Autores

  • Gabriela Lopes
  • Bianca Biagio
  • Sandrine Bittencourt Berger
  • Terezinha de Jesus Carvalho-Ferreira
  • Murilo Baena Lopes
  • Delise Pellizzaro
  • Ricardo Danil Guiraldo Universidade Norte do Paraná – UNOPAR

DOI:

https://doi.org/10.17921/1415-5141.2023v27n2p100-103

Resumo

Em 1864, o Dr. Sanford C. Barnum apresentou o dique de borracha para o isolamento absoluto dentário. É uma ferramenta indispensável para alcançar o sucesso nos tratamentos endodônticos, ainda, ao que se refere aos procedimentos restauradores, mostrou-se necessário na obtenção de resultados satisfatórios. A disseminação de aerossóis e gotículas contendo bactérias e sangue é constante na prática clínica odontológica, sendo uma rota potencial de transmissão às doenças; o isolamento absoluto é um eficaz artifício na contenção de tais bioaerossóis. O objetivo do presente trabalho foi realizar um artigo técnico referente ao isolamento absoluto, com o intuito de descrever suas inúmeras vantagens e influência para atingir o sucesso clínico em procedimentos endodônticos e restauradores e, na promoção da biossegurança; ainda, relatar a falta de sua devida utilização pelos integrantes da área odontológica e, com tal estudo, orientar os graduandos, bem como os cirurgiões dentistas, sobre sua importância. Para tal, foi realizada uma minuciosa revisão da literatura pela plataforma de pesquisas online, PubMed. O isolamento absoluto possui vantagens como: promover proteção, controle de infecção cruzada, controle da umidade do meio oral e melhoria da eficiência do tratamento, entretanto, seu uso ainda é ignorado por fatores como: falta de habilidade técnica do profissional, tempo de trabalho e custo. Conclui-se que ainda é significativamente baixo o uso apropriado do isolamento absoluto na área odontológica; não  utilizá-lo pode ocasionar riscos e o insucesso de tratamentos endodônticos e/ou restauradores, dessa forma, é de suma importância encorajar os profissionais e graduandos da área quanto a sua importância.

Palavras-chave: Isolamento Absoluto. Restaurações. Tratamento Endodôntico.

 

Abstract

In 1864, Dr. Sanford C. Barnum introduced the rubber dam for absolute tooth isolation. It is still an indispensable tool to achieve success in endodontic treatments, with regard to restorative procedures, it proved necessary to obtain satisfactory results. The dissemination of aerosols and droplets containing bacteria and blood is constant in dental clinical practice, being a potential route of transmission of diseases; absolute isolation is an effective device in containing such bioaerosols. The aim of the current study is to carry out a technical article referring to absolute isolation, in order to describe the advantages and influence to achieve clinical success in endodontic and restorative procedures and in the promotion of biosafety; still, to report the lack of its proper use by the members of the dental area and a study to guide the graduating students, as well as the dentists, about the importance. The literature review was carried out by the online research platform, PubMed. Absolute isolation has advantages such as: promoting protection, controlling cross- infection, controlling the humidity of the oral environment and improving the treatment efficiency, however, the use is still ignored by some factors: lack of technical skills of the professional, working time and cost. It is concluded that the appropriate use of absolute isolation in the dental field is still significantly low; not using it can cause risks and the failure of endodontic and/or restorative treatments, thus, it is extremely important to encourage professionals and undergraduates in the area as to its importance.

Keywords: Rubber Dam. Restorations. Endodontic Treatment.

Downloads

Publicado

2023-12-13

Como Citar

LOPES, Gabriela; BIAGIO, Bianca; BERGER, Sandrine Bittencourt; CARVALHO-FERREIRA, Terezinha de Jesus; LOPES, Murilo Baena; PELLIZZARO, Delise; GUIRALDO, Ricardo Danil. O Uso do Isolamento Absoluto como Fator de Qualidade às Terapias Odontológicas. UNICIÊNCIAS, [S. l.], v. 27, n. 2, p. 100–103, 2023. DOI: 10.17921/1415-5141.2023v27n2p100-103. Disponível em: https://uniciencias.pgsscogna.com.br/uniciencias/article/view/10129. Acesso em: 22 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos